O que é newsletter?

Chamamos de newsletter os e-mails enviados por uma pessoa ou empresa de forma periódica para uma lista de e-mails. O objetivo da newsletter, em geral, é aproximar o remetente dos e-mails do público que os lê. No caso de empresas, trata-se de uma ferramenta valiosa para fortalecer o relacionamento com o público-alvo, atrair clientes e vender mais.
A newsletter é uma das principais formas de se fazer e-mail marketing, através da newsletter, é possível enviar diversos tipos de conteúdo, podendo adaptar os e-mails aos seus diferentes objetivos de negócio. A newsletter vai se tornar uma forte aliada na sua estratégia de marketing que por sua vez, vai ser usada para desenvolver uma relação mais próxima com o público e, é claro, vender mais.

Acesso direto aos clientes

Uma das diferenças do e-mail é o acesso direto a pessoas que já estão interessadas no seu negócio.
Usando o Instagram como exemplo, por mais que publique conteúdo de qualidade na sua conta e nos stories, o algoritmo do Instagram impede que a publicação alcance todos os seguidores. Isso já não acontece com a newsletter, todas as pessoas registadas vão receber a newsletter no e-mail.

 

A marca consegue se aproximar do público

As newsletters são uma excelente forma de desenvolver uma relação mais pessoal com seus leads. Diferente das redes sociais, que são um espaço mais público, ao enviar um e-mail, é como se estivesse a falar individualmente com cada leitor.
Com a ajuda das plataformas de e-mail marketing, consegue identificar a sua lista de contatos, criar campanhas automatizadas e enviar e-mails personalizados para os leitores que estão em diferentes etapas do funil, otimizando ainda mais os resultados da newsletter.

 

Algumas dicas de como criar uma boa newsletter

Envie conteúdo relevante para seu público
Jamais enviar-mails só por enviar, muito provavelmente, os seus leitores recebem dezenas de e-mails por dia e, se eles perceberem que sua newsletter não traz nenhum conteúdo relevante, eles vão acabar por se irritar e cancelar a assinatura ou até mesmo colocar a mesma para spam.

 

Peça feedback do público

Descobrir que tipo de conteúdo os seus leitores estão mais interessados.

Além de poder recolher dados valiosos para aprimorar o conteúdo da sua newsletter, pedir feedback dos leitores também é uma forma de se aproximar deles, é como se você os convidasse para colaborar com a newsletter, transformando-a em um espaço de troca.

 

Identificar a lista de e-mails

Uma das principais vantagens de usar uma ferramenta de e-mail marketing é poder identificar a lista de e-mails
Com a identificação , pode enviar e-mails diferentes para grupos diferentes da newsletter, o que torna o conteúdo ainda mais certeiro e eficaz.

 

Newsletter organizada

Caso seja necessário falar mais do que um assunto no mesmo e-mail, divida o corpo do texto em seções e coloque subtítulos, de modo que os leitores possam identificar rapidamente do que cada seção se trata e ir direto para o que mais lhes interessa.

Nesses casos, uma estratégia interessante é apenas colocar resumos em cada seção, com um link ou um botão que os direcione para o conteúdo completo, que pode ser um artigo no website ou um vídeo nas redes sociais. Assim vai ser possível manter a sua newsletter mais curta e apelativa.

 

Cuidado com as imagens na newsletter

Algumas empresas gostam de colocar todo o conteúdo numa só imagem, mas isso está completamente errado, em geral, o servidor do e-mail identifica a falta de texto como algo perigoso e bloqueiam o e-mail.

 

Criar e-mails responsivos

Pense em quantos e-mails por dia abre no seu smartphone e não no computador, por essa mesma razão é que é importante criar uma boa newsletter a pensar na responsividade.

Ao se preocupar em fazer um e-mail responsivo, estará sempre a pensar no conforto do leitor, o que pode resultar em mais vendas, não se esqueça também de levar a responsividade em conta nas landing pages e sites para os quais quer direcionar os leitores com sua newsletter.