Branding, ou gestão de marcas, como é muito conhecido, trata-se de um conjunto de ações estratégicas que, quando aplicadas de forma eficiente, contribuem para a construção da perceção de seu consumidor em relação à sua empresa de forma positiva.

Não pode apenas concentrar-se na aparência da sua marca, como cores, letras, formas etc…O Branding é muito mais que isso. Mas também tem de despertar sensações e lembranças para despertar a atenção do cliente e fazer com que este escolha a sua marca.

“Uma marca é um conjunto de expectativas, memórias, histórias e relacionamentos que, juntos, são responsáveis por fazer o consumidor escolher um produto ou serviço em vez de outro.”

Seth Godin

Qual é a importância do Branding?

O Branding é extremamente importante para a sua marca/empresa, sendo ela lembrada na mente dos consumidores através desse mesmo branding. Irá gerar valor aos seus produtos e serviços e acima de tudo, confiança no seu público-alvo.

Um bom  conjunto de técnicas e práticas que objectivam à construção o fortalecimento de uma marca. A construção de uma marca forte para uma linha de produtos ou serviços é consequência de um relacionamento satisfatório com o mercado. Com uma identificação positiva forte o bastante, a marca passa a valer mais do que o próprio produto oferecido.

Como fazer um trabalho de Branding com Marketing Digital

1- Identidade Visual

  • A identidade visual é o aspeto que ajuda a mente dos consumidores a memorizar a sua marca (aspectos como logótipo, fonte, cores etc)
  • Quanto mais “clean” for, mais rápida será a associação na mente de quem busca novas marcas.

Adeque o seu logótipo

  • No momento da criação da marca é importante que ela esteja preparada para o mundo digital. Não pense em algo muito complexo, pense na facilidade de leitura e entendimento quando estiver por exemplo em versão mobile (onde o logótipo estará mais reduzido).

Crie o seu manual da marca

  • Quando achar que a identidade da sua marca está pronto, é muito importante não esquecer -> ANOTAR TUDO O QUE USOU – Anotar a fonte usada, códigos de cores, versões horizontais e verticais etc.

Determine uma unidade de estilo

  • Na altura de procurar fotos, tente encontrar aquelas que se alinham mais com a sua marca. Procure apenas seguir um estilo, esse estilo será a comunicação da sua marca.
  • Veja o exemplo da BeautyForYou

2- Estratégia

  • A estratégia não passa pelos valores visuais mas sim passa o seu propósito. O consumidor apenas não só identificará com o estilo da sua marca mas também com os valores, criando assim um laço mais forte entre os dois lados (marca e cliente).

Personalidade da Marca

  • Eis algumas perguntas que pode fazer para encontrar a personalidade da sua marca:
  • Qual é a personalidade da minha marca?
  • Que adjetivos ela possui?
  • Se fosse uma pessoa seria como?

Linguagem da Marca

  • Como é a linguagem da sua marca? Tem um ar sério? É descontraída? Estas são questões muito importantes para ajustar a linguagem ao seu público.
  • Um dos métodos de encontrar essa linguagem é fazer uma pesquisa e verificar quais os termos usados pelos seus consumidores e adoptar aqueles com que a sua marca se identifica.

Localização

Que tipo de canais o seu cliente usa para comunicar com as marcas? Usa Facebook? Instagram? WhatsApp? Linkedin? Email? Convém lembrar que não é necessário ir a correr e criar contas em todo o lugar, apenas use aqueles canais que tem um papel estratégico para o seu negócio.

Dois dos canais extremamente importante onde aconselhamos a estar presente é:

  • Num Website – estar presente nos resultados de busca

  • E no Facebook – Ótimo canal de divulgação e relacionamento

Conteúdo

  • Tenha sempre uma boa estratégia de conteúdo pois ela ajudará a sua marca a se destacar nas buscas mas também a ganhar notoriedade e autoridade. Até mesmo esses conteúdos devem estar ligados de alguma forma à identidade da sua marca.

Gestão da marca: o novo marketing?

Hoje em dia o grande desafio para as empresas é adaptar-se ao mundo:

  • Volátil

  • Incerto

  • Complexo

  • Ambíguo

Existem 3 tipos de marcas

1- Marcas voltadas para as vendas, promoção, preços e lucros

2- Marcas que se conseguem conectar emocionalmente com os clientes, gerando assim valor

3- Marcas que criam um ecossistema de valor, dentro dos 4 parâmetros do “mundo” que referimos anteriormente.

Esta última é a que tem gerado mais valor, se não faz parte de este tipo de marca, aconselhamos vivamente que SEJA.

Gostou do Artigo?

Ver mais artigos BRANDUP